Funções da escrita

“Os tempos de ódio carregam uma função muito especial diante da escrita, que é afiar e reforçar nossa capacidade de inventar resistências por meio da criatividade. Se o ódio visa destruir, o nosso papel é criar, incessantemente. Os tempos de ódio destroem, e nós criamos; eles destroem e nós criamos; até o ponto em que nós, os criadores, transformaremos os próprios tempos de ódio em matéria-prima de nossa invenção literária.” A reflexão é de João Silvério Trevisan, autor e ativista de direitos humanos, durante participação na 4ª edição da Conferência sobre Escrita, evento promovido pela pós-graduação Formação de Escritores, do Instituto Vera Cruz, que teve como tema “As funções da escrita e os tempos de ódio”.

 

O evento, que aconteceu no dia 28 de outubro, marcou também o lançamento do quarto número da revista Revera – escritos de criação literária do Instituto Vera Cruz, que apresenta ensaios acadêmicos e textos literários de escritores renomados e de alunos do curso de pós-graduação. Esta e outras edições da revista estão disponíveis gratuitamente em: https://site.veracruz.edu.br/instituto/formacao-de-escritores/revista-revera/.

 

A íntegra da conferência de João Silvério Trevisan poderá ser lida na próxima edição da Revera, a ser publicada em 2020. No site da revista, é possível ler os textos das conferências anteriores, de Milton Hatoum, José Miguel Wisnik e Ana Maria Gonçalves.