Campo de possibilidades dentro da realidade

Ficção ou crítica; ficção ou realidade; ficção ou factoide; ficção ou ativismo. Em diferentes abordagens, o ensaísta, escritor, músico e compositor José Miguel Wisnik fala sobre os limites entre a ficção e a não ficção, agora, no Instituto Vera Cruz. “A ficção não se afasta da realidade, ela vai pra dentro da realidade, explorando todo o campo das possibilidades existentes dentro dessa realidade.” Wisnik é o convidado da 2ª Conferência sobre Escrita, promovida curso de pós-graduação Formação de Escritores.