RESTAURANTE HIRÁ RAMEN IZAKAYA

♦ Ana Luísa Della Coletta Depiné e Fernando Grosbaum Pencak

“Irashaimasê” (bem vindo) é o que recebemos quando chegamos ao restaurante japonês Hirá Ramen Izakaya inaugurado em dezembro de 2015 no bairro tão famoso por suas diversas opções de comida, Vila Madalena. Administrado por Valeria Cedano Hirata, também hoteleira, e com a cozinha comandada pelo Cheff Daniel Hirata, seu marido, que possui grande experiência no ramo de culinária oriental.

          Já na entrada pode-se ver uma decoração bem tradicional japonesa, bamboos na porta e símbolos e escritas característicos. Mesmo assim , é um ambiente moderno e descolado onde é envolvido com músicas de fundo conhecidas, mesclando essas duas propostas. Além dessa releitura, tirou esse estilo de restaurante apenas da Liberdade e trouxe para um ambiente diferente, como o que se localiza.

O cardápio é composto pelo tradicional “ramen”, prato de macarrão fino submerso em caldo com vários acompanhamentos servido em uma cumbuca. E também pelo “izakaya”, bar e petiscos tradicionais japoneses, duas paixões dos donos. Assim agregando duas ofertas de maneira harmoniosa que tem se tornado populares em são Paulo e que andam agradando a muitos que gostam de experimentar algo mais exótico. Por tudo isso, o público é bem variado, atraindo pessoas de diferentes idades, jovens de 18 anos, até senhores e senhoras de idade. Famílias, grupos de amigos, saídas para beber após o trabalho e almoços de domingo. Agrada a todos os gostos. Além disso, o menu está sempre sendo renovado de acordo com o feed back dos clientes, concorrência e cursos de reciclagem feitos.

            O atendimento contribui para a experiência, garçons bem preparados com conhecimento do cardápio, preocupados com cliente e bem flexíveis. É sempre possível pedir uma sugestão caso preciso. Sem demoras, a espera do prato não passa de 15 minutos. Porém se quiser um dia mais vazio, saiba que o horário de pico é nas sextas, sábados e domingos no período do almoço e jantar. Obviamente esse sucesso nesse aspecto tem justificativa, os garçons, normalmente universitários a partir do segundo grau e os assistentes de cozinha, estagiários de gastronomia, todos muito bem preparados e treinados.

          Hirá surpreende, uma atmosfera leve e serviço amigável, com a preocupação de agradar a clientela e um preço justo para o que oferece, nada exorbitante. Se quiser beliscar um “gyoza” e beber drinks e “sakês” ou comer um “ramen” ou mesmo outro prato, lá é garantido poder desfrutar de tudo, desde que tenha abertura para novas experiências de paladar. Nada tão formal nem tão casual, um local para relaxar e degustar muito além da comida.

 

 

Oitavo Ano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *