Curadora da Flip é finalista do Prêmio Claudia

 

Membro do corpo docente do curso de pós-graduação Formação de Escritores e curadora da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), a jornalista Joselia Aguiar é apontada como a responsável por criar uma programação mais diversa do evento, ao equiparar a participação de homens e mulheres convidados. Além disso, ela levou mais autoras e autores negros, historicamente excluídos da Flip.

 

Por sua atuação, Joselia é uma das finalistas da 23ª edição do Prêmio Claudia, de 2018, uma iniciativa da editora Abril, que tem o objetivo de valorizar histórias memoráveis de mulheres excepcionais e atuantes na sociedade brasileira. A premiação é dividida em oito categorias, dentre elas a de Cultura – na qual Joselia é uma das concorrentes.

 

Acesse e vote.