Salvador

Matheus Ferraz Galvao

Minha terra tem carnaval
Como aqui não há
Lá todos pulam
E dançam parecendo sabiá

Nossas águas são mais cristalinas
Nossa vida mais colorida
Nossas matas são vivas
Oh, Bahia querida…

Minha terra tem primores
Que aqui não há
Quando fico sozinho
Lembro dos mares de lá

Nossa terra tem mais cores
Dentro do peito, tambores
cantando nossos amores
que amenizam nossas dores

Salvador